Casa e Construção Estilo de vida

O que preciso saber para ter uma jacuzzi em casa

O que você precisa saber para ter uma jacuzzi

Ah, nada como um banho relaxante com massagem no fim do dia, não é mesmo? E se juntar os dois em uma banheira com um conjunto de jatos estratégicos para massagear você, que tal? É assim que funciona uma jacuzzi!

Ela pode ser localizada na área externa da sua casa ou no banheiro, e pode conter luzes e ou ser do tipo mais simples. Para isso, reunimos alguns pontos que devem ser levados em consideração antes de você comprar e instalar a sua jacuzzi, acompanhe.

Para ter uma jacuzzi, avalie bem o espaço

Se você pensa em instalar sua jacuzzi na área externa, pode ser que haja mais espaço disponível, mas não se esqueça de avaliar como fica a circulação nesse espaço.

Já para você que quer ter uma jacuzzi no banheiro ou no quarto, é preciso pensar além do espaço da jacuzzi, o espaço que o motobomba, motor de aquecimento e que liga os jatos. O ideal é ter pelo menos 2 m² para isso.

Se você quer uma jacuzzi em apartamento…

… É preciso analisar junto com um engenheiro estrutural se o peso é suportado pela laje do apartamento, além de conversar com o síndico sobre essa possibilidade. É preciso avaliar o peso da banheira, que pode variar dependendo do tamanho e da quantidade de pessoas que a banheira comporta, além de considerar o peso que vai somar com a água e as pessoas utilizando a jacuzzi.

Além disso, é necessário observar as regras do condomínio sobre o consumo de água coletivo, porque um spa em casa definitivamente aumenta o consumo! Não se esqueça também de impermeabilizar o espaço.

Prepare o terreno

Além de comportar o peso do seu spa em casa, o piso precisa ser linear, ou seja, sem ondulações. O mesmo vale para as paredes, porque a banheira precisa encaixar perfeitamente. Para pisos em azulejos ou porcelanato, também é preciso fazer um contrapiso uniforme e sem umidade.

Elétrica e Hidráulica

É preciso saber se os pontos de elétrica e hidráulica suportam uma banheira de hidromassagem como a jacuzzi, que geralmente pede carga de 240 Volts. Hoje em dia, é bem comum que as casas sejam preparadas para receber esse tipo de instalação. 

Para a parte hidráulica, além de pensar no ponto de alimentação da banheira, é necessário pensar no escoamento da água ligado ao sistema de esgoto.

Para esses casos, é recomendado que você contrate um profissional especializado na área de elétrica e hidráulica para que não ocorra nenhum problema.

Por fim, dicas para você aproveitar melhor sua jacuzzi

Você não precisa trocar a água da banheira sempre, mas é necessário drenar toda água a cada 3 anos. É preciso ficar de olho no pH da água toda semana, que deve ficar por volta de 7 e 7,4.

Para usar a jacuzzi, recomendamos um banho antes para tirar o excesso de óleos corporais que produzimos e que podem atrapalhar o filtro do spa.

Utilize somente materiais de limpeza e químicos indicados para serem usados na banheira.

Por fim, resta aproveitar esse ponto de descanso e relaxamento! Gostou das nossas dicas?