Mercado Imobiliário

Compra de imóveis no exterior

Cada vez mais o brasileiro se interessa em investir fora do país, no ramo imobiliário não seria diferente. Mesmo com a crise instalada no Brasil, um grande número de pessoas busca comprar imóveis na América Latina, Estados Unidos e até Europa.  

Os destinos mais procurados são países vizinhos como Uruguai, principalmente a cidade de Montevidéu, até Miami(EUA), Orlando(EUA), Barcelona(Espanha), Paris(França) e Roma(Itália).

Primeiros passos

Visite o local para onde quer se mudar, viaje, se hospede na cidade e bairro pretendido. Dessa maneira você consegue se ambientar, ter uma real noção de como é a rotina da vizinhança, o comércio e segurança.

Aproveite para conversar e fazer amizade com os vizinhos, pergunte sobre os custos para se manter um bem e maneiras de vida naquela região.

Tenha toda a documentação exigida pelo país, cada região tem seus pequenos detalhes, e é bom saber de tudo antes de tomar uma decisão como esta.

Escolha uma corretora de confiança, que faça esse tipo de transição entre países, no Brasil existem muitas e de boa qualidade.

Procure seu corretor para que ele te indique um banco, na cidade onde você pretende se mudar, para dar início ao financiamento.

Não se esqueça de declarar o imóvel no seu imposto de renda, como “custo de aquisição de valor”. Mas por exemplo, nos Estados Unidos, França e Inglaterra, na hora da compra do imóvel não é necessário fazer declaração se o brasileiro for residente e tiver sua fonte de renda no Brasil.

Fique atento as taxas que podem surgir no meio do processo, reserve um dinheiro para certidões, impostos e escrituras, podem custar até 3% do valor do imóvel.

Precauções

Antes de enviar dinheiro para o exterior, na hora da compra, é necessário comunicar o banco Central. Os empréstimos no exterior costumam ser mais baratos, porem estão sujeitos a mudanças cambiais.

Tenha em mãos todas as declarações, para que não aconteçam imprevisto com a legalização.