Mercado Imobiliário

Piso Vinílico: Uma das novas tendências do mercado de revestimento

Já ouviu falar do piso vinílico? Este material está em alta, e sendo a solução para muitos brasileiros.

Ele também é chamado de PVC, porque contém minerais e aditivos. Normalmente, é vendido em placas, mantas ou réguas com tons de madeira.

Vantagens

Suas vantagens são muitas, é um produto flexível, que reduz os impactos e barulhos, tem preço acessível e fácil aplicação. Não deve ser utilizado em áreas molhadas, mas pode ser um bom substitutivo para os antigos pisos laminados, que são bem mais caros, e fazem barulho.

O piso é de fácil limpeza, antiderrapante e ideal para quem tem pets. Além de ser um material que nunca será atacado por cupins, por exemplo.

Espessura

A espessura do piso pode variar de 2mm a 5mm, sendo que os de 2mm são aconselháveis para residências, acima de 5mm para áreas de alta circulação, ou empresariais.

É importante verificar com o fabricante, qual o nível de resistência de cada mm, para que com o tempo não fiquem marcas no produto.

Aplicação

A aplicação é simples, e pode ser feita até mesmo pelo comprador, mas é necessário seguir todas a indicações do fabricante. O ideal é instalar o piso em áreas secas, como quartos e salas, sobre contra piso desnivelado, sem buracos ou rachaduras.

Se você já tem piso, poderá instalar a manta vinílica, da mesma maneira, desde que ele receba uma camada de argamassa e que a superfície fique regular. Só não é recomendada a aplicação sobre piso de madeira que dilata e retrai muito com a umidade.

Preço

Hoje conseguimos encontrar esse tipo de piso nas grandes redes, as placas variam entre R$ 60 o metro quadrado para as de 2mm de espessura, R$ 100 para as de 3mm e até R$ 250 para as de 5mm, que são recomendadas para áreas de tráfego maior.

Deixe um comentário